Sesp

04/11/2011

Operação prende suspeitos de homicídio em Curitiba

Policiais da Delegacia de Homicídios realizaram uma operação, na madrugada desta sexta-feira (4), para dar cumprimento a 16 mandados de prisão. No total, foram presos nove suspeitos de homicídios ocorridos neste ano e no ano passado, no bairro Santa Quitéria, em Curitiba, local conhecido como “Invasão da Portelinha”.

A operação contou com a participação de 60 policiais da DH, que cumpriram 28 mandados de busca na invasão. Foram 11 suspeitos conduzidos à delegacia, entre eles, um adolescente, que na presença dos responsáveis, foi ouvido e liberado, e um homem que tinha passagem pela polícia por tráfico de drogas, mas como não havia mandado de prisão, foi identificado e liberado.

Os mandados de prisão temporária de 30 dias foram decretados pelo Juiz da Vara de Inquéritos Policiais. Nesse prazo, segundo o delegado Cristiano Augusto Quintas dos Santos, os suspeitos serão ouvidos e interrogados, e, se comprovada a participação deles nos homicídios, as prisões temporárias serão convertidas em preventivas.

PRESOS - Foram presos na operação, Amaro Marques, 27 anos; Antonio José de Oliveira, 25; Arthur Alexandre Gabriel, 36, (possui passagem pela polícia por homicídio); Bruno Henrique de Souza Bastos, 21; Jair dos Santos Ferreira, 50; Antonio Marcos Leandro de Freitas, 30; Priscila Adaiana da Silva Sckricoski, 28, (esposa de Antonio Marcos); João Paulo Leandro de Freitas, 25; e Jéssica Regiane dos Santos, 19, (esposa de João Paulo).

Além disso, continuam foragidas as seguintes pessoas, todas suspeitas da prática de homicídio e/ou de tráfico de drogas: Chayanne Pereira de Oliveira, Fábio Gomes da Silva, Geison Neves dos Santos, Katlyn Priscila Pereira de Oliveira, Leandro Luciano da Silva, Eduardo de Souza de Lima (irmão de Bruno Henrique, preso na operação), e Thiago Henrique de Lacerda Francischini.
Recomendar esta notícia via e-mail:

Campos com (*) são obrigatórios.