0 - Segurança

08/10/2019

Secretaria da Segurança e Prefeitura de São José dos Pinhais firmam Termo de Cooperação Técnica

A Secretaria da Segurança Pública e a Prefeitura de São José dos Pinhais assinaram, na tarde nesta terça-feira (08/10), um Termo de Cooperação Técnica para integração e compartilhamento de informações de segurança pública. A parceria foi firmada na sede da Secretaria, no Centro Cívico, em Curitiba.

O secretário da Segurança Pública, coronel Romulo Marinho Soares, e o prefeito de São José dos Pinhais, Tonino Fenelon, assinaram o documento, que também foi assinado pelo secretário municipal de Segurança, Fabiano da Rosa.

“Isso representa muito para a Secretaria da Segurança do Paraná, e só é possível graças a grande integração que o Governo do Estado tem com a Prefeitura de São José dos Pinhais. Assinar esse documento hoje, permitir a troca de dados, é também trocar experiências, e isso é um ganho, não só para a Secretaria, mas para o Paraná inteiro. Com essa parceria podemos alavancar boas práticas e construir juntos uma nova metodologia de trabalho. A ideia é também repassar a outras prefeituras”, afirmou Marinho.

Com o acordo firmado, a Guarda Municipal de São José dos Pinhais recebe capacitação de maneira pioneira a lavrar o Boletim de Ocorrências Unificado, e outras plataformas de acesso Policial, ferramentas de Gestão (Business Intelligence) para congruência dos dados e diagnóstico das ocorrências envolvendo o município.

A Secretaria terá acesso à Base Cartográfica e outras informações de São José dos Pinhais, que auxiliarão no planejamento do Estado e integração dos diversos sistemas de segurança disponíveis além de, em conjunto com o município, planejar ações que resultem em uma resposta mais rápida e eficiente para a população.

Para o prefeito de São José dos Pinhais, Tonino Fenelon, a assinatura do Termo de Cooperação mostra a proximidade entre as instituições. “Essa assinatura representa muito para nós, vem de encontro com aquilo que eu tenho pregado em São José dos Pinhais, que é a proximidade dos governos Federal e Estadual, as entidades e instituições. A assinatura desse contrato com a Secretaria disponibiliza o sistema para que nós, enquanto Guarda Municipal de São José dos Pinhais, possamos ter os dados, o que facilita muito nas abordagens realizadas, onde os guardas vão poder identificar quem é a pessoa e se tem passagem pela polícia. Quanto mais próximos estiverem os governos, melhor será a qualidade de serviços publico e a qualidade de vida das pessoas”, disse.

AMPLIAÇÃO - Estas cooperações também ocorrerão com outros municípios e integrarão as bases de informações do Estado do Paraná, destacando a atuação em conjunto entre Estado e Município, na integração de sistemas, servindo de exemplo para todo o Brasil.

O coordenador de atendimento da Celepar, Jair Fernandes explicou que o sistema desenvolvido permite que a Secretaria defina o grau de acesso a cada órgão, dependendo do sigilo e da informação que contém dentro do sistema. “Os sistemas foram desenvolvidos pela Celepar em conjunto com os nossos parceiros das polícias Civil, Militar e Científica, e todo o aparato de sistemas vai estar disponível para ser utilizado pela Prefeitura de São José dos Pinhais e, depois, pelas outras prefeituras que forem conveniadas também. A Secretaria disponibiliza o acesso e define o nível do que pode ser acessado pelas prefeituras”, completou.

Estiveram presentes no evento o diretor da Guarda Municipal de São José dos Pinhais, Márcio José Pereira; o chefe da Divisão de Monitoramento e Comunicação, Julio Cesar Guedes Ferreira; e o diretor-geral da Secretaria de Planejamento e Desenvolvimento Econômico de São José dos Pinhais, Luiz Pereira Keppen.

Além do diretor-geral da Sesp, coronel Pedro Stonoga; a chefe de gabinete da Secretaria, Márcia Tavares dos Santos; o comandante-geral da Polícia Militar, coronel Péricles de Matos; o diretor do Departamento Penitenciário do Paraná, Francisco Caricati; o vice-diretor do Departamento Penitenciário do Paraná, Thorstein Ferraz; o delegado-geral da Polícia Civil do Paraná, Silvio Rockembach; o diretor da Polícia Científica do Paraná, Leon Grupenmacher; e o coordenador de Análise e Planejamento Estratégico (Cape) da Secretaria, capitão Cláudio Todisco.




Recomendar esta notícia via e-mail:

Campos com (*) são obrigatórios.