Polícia Civil

11/10/2017

Três homens são presos com 195 quilos de maconha em Pato Branco

Uma operação de rotina, feita pela Polícia Civil, na noite de segunda-feira (09), prendeu três homens, com idades entre 23 e 32 anos, suspeitos de tráfico de drogas e associação ao tráfico. Com eles a polícia apreendeu 195 quilos de maconha. A droga foi avaliada em torno de R$ 250 mil.

A operação da Divisão Estadual de Narcóticos (Denarc) de Pato Branco, contou com o apoio da 5ª e da 15 ª Subdivisão Policial (SDP), além das polícias Militar Rodoviária e Federal. A ação aconteceu na divisa entre os estados do Paraná (PR) e de Santa Catarina (SC), com o objetivo de combater o tráfico de drogas na região.

A equipe policial apreendeu, dois rádios comunicadores, além de 195 quilos de maconha, que estavam divididos em fardos e tabletes. De acardo com as investigações a droga seria levada até a região Sudoeste do Paraná.

Os suspeitos foram abordados, no trevo que dá acesso á cidade de Vitorino, que fica á 10 quilômetros de Pato Branco, eles estavam em um veículo Golf preto. Durante a abordagem, os policias identificaram chiados nos auto falantes do veículo. E após a revista feita no automóvel, foi encontrado um rádio comunicador, que estava sendo usado pelos rapazes.

Após a abordagem, os policiais tentaram se aproximar de um outro veículo, um Prisma branco. Mas no momento em que o motorista do carro avistou a movimentação, tentou fugir, jogando o veículo contra os policiais que estavam no local.

“A equipe reagiu a ação, disparando tiros nos pneus do carro. O que obrigou o homem a desviar para uma lavoura da região. Em seguida o veículo foi abandonado nas proximidades do município de Vitorino. E o condutor do carro, escondeu-se na mata. As buscas foram realizadas, mas ele ainda não foi encontrado. No prisma, foram encontradas drogas e um outro rádio comunicador”, comentou o delegado da Denarc de Pato Branco, Ivonei Oscar da Silva.

A polícia acredita, que os suspeitos presos seriam os batedores da droga. Pois estavam usando a mesma frequência de rádio. Os carros foram abastecidos no mesmo posto, e o valor dos dois abastecimentos, teria sido pago pelo motorista do Golf.

Os suspeitos foram encaminhados para a carceragem da 5ª SDP de Pato Branco e seguem á disposição da Justiça.

O delegado ressalta que as operações estão sendo feitas com frequência devido a entrada de Pato Branco e das cidades vizinhas ser um grande canal de tráfico de drogas com destino a Santa Catarina (SC).
Recomendar esta notícia via e-mail:

Campos com (*) são obrigatórios.